Folha espírita

Francisco caixeta

Nome da empresa

Caixa de texto:           A FOLHA ESPÍRITA FRANCISCO CAIXETA, tem por objetivo divulgar a Doutrina Espírita, bem como os acontecimentos relevantes do Movimento Espírita de Araxá e região.
          A intenção aqui é abrir espaço para promover exposições de idéias que venham a contribuir com o desenvolvimento do Movimento Espírita e o alargamento da sua compreensão por todos nós, seus afeiçoados seguidores.
          Pedimos a Deus as bênçãos em inspiração, força e discernimento para superar as nossas fragilidades e limitações morais, em que nos leva a vigiarmos e combatermos, diuturnamente, com o intuito de supera-las, dia a dia.
          Ao reconhecermos as nossas próprias mazelas, solicitamos de todos os irmãos, que nos derem a alegria de sua atenção, que nos alerte, incontinente, se viermos a cometer algum deslize, seja ele qual for, contra o Movimento, a Doutrina Espírita ou o Evangelho de Jesus.
          O nosso principal objetivo será o de divulgar a nossa Doutrina e promover encontros de idéias Espíritas, mas sempre andando entre as duas margens abalizadoras que são: o Evangelho de Jesus e a Doutrina Espírita. As quais, reconhecidamente, são capazes de nos levar a Deus, numa rota sem obstáculos.
           Na mediada do possível, não deixaremos de publicar idéias e posições doutrinárias mesmo que estas sejam diretamente, contrárias a nossa posição editorial; reservando o direito de colocar a nossa opinião; desde que os temas expostos sirvam para enriquecer a nossa visão de vida e de mundo. Todavia, a responsabilidade direta destes textos ficará a cargo dos irmãos que vierem expô-las.
          Procederemos assim, por entendermos que a liberdade de expressão, embora seja tarefa árdua e trabalhosa, é a única maneira de assegurarmos uma democrática relação humana em que precisamos respeitar os pensamentos e posições contrárias as nossas, sem que cada parte perca a sua maneira própria de ser.
          A liberdade de expressão desde que usada com responsabilidade e educação, sempre contribui para que possamos observar os pensamentos gerais que nos rodeiam. E com isso, abrem-se oportunidades de aprendizados e orientações que só contribuirão com o Movimento Espírita e com a nossa formação moral e doutrinária.
          Desejamos a todos os irmãos a mais absoluta paz e alegria e, com isso, possamos nos unir em torno de um ideal moral que nos convoca, a cada minuto, a  amarmos uns aos outros.
Grupo Editorial

31ªEdição

Março/Abril/2010

32ªEdição

Maio/Junho/2010

33ªEdição

Julho/Agosto/2010

34ªEdição

Setembro/Outubro/2010

35ªEdição

Novembro/Dezembro/2010

36ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2011

37ªEdição

Março/Abril/2011

38ªEdição

Maio/Junho/2011

39ªEdição

Julho/Agosto/2011

40ªEdição

Setembro/Outubro/2011

41ªEdição

Novembro/Dezembro/2011

42ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2012

43ªEdição

Março/Abril/2012

44ªEdição

Maio/Junho/2012

45ªEdição

Julho/Agosto/2012

46ªEdição

Setembro/Outubro/2012

47ªEdição

Novembro/Dezembro/2012

48ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2013

49ªEdição

Março/Abril/2013

50ªEdição

Maio/Junho/2013

51ªEdição

Julho/Agosto/2013

52ªEdição

Setembro/Outubro/2013

53ªEdição

Novembro/Dezembro/2013

54ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2014

55ªEdição

Março/Abril/2014

56ªEdição

Maio/Junho/2014

57ªEdição

Julho/Agosto/2014

58ªEdição

Setembro/Outubro/2014

59ªEdição

Novembro/Dezembro/2014

60ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2015

61ªEdição

Março/Abril/2015

62ªEdição

Maio/Junho/2015

63ªEdição

Julho/Agosto/2015

64ªEdição

Setembro/Outubro/2015

65ªEdição

Novembro/Dezembro/2015

66ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2016

67ªEdição

Março/Abril/2016

68ªEdição

Maio/Junho/2016

69ªEdição

Julho/Agosto/2016

70ªEdição

Setembro/Outubro/2016

71ªEdição

Novembro/Dezembro/2016

72ªEdição

Janeiro/Fevereiro/2017

73ªEdição

Março/Abril/2017

74ªEdição

Maio/Junho/2017

75ªEdição

Julho/Agosto/2017

76ªEdição

Setembro/Outubro/2017